Papeando com Almir Correia

 Hoje nosso bate-papo é com autor Almir Correia! Ele é autor de onze livros pela Editora Biruta, dentre eles Anúncios carentes de bichos abandonados por gente e O trem maluco, da coleção Poemas Birutinhas!

Aproveitem para conhecer um pouquinho mais sobre esse autor que faz rimas muito divertidas e já teve seu livro indicado como Altamente Recomendável pela FNILIJ em 2006.

 
Quem é Almir Correia?

Um cara que gosta de escrever, rabiscar, sonhar, cantar, inventar mundos e coisas malucas.

O melhor lugar para o surgimento de riscos e rabiscos é…?

Qualquer lugar, às vezes até dentro de cinema assistindo a um filme.

O melhor amigo criado por você?

Meus amigos imaginários em mundos imaginários.

Uma viagem inesquecível seria nas páginas de qual livro?

Um livro de contos surrealistas.

Qual é seu companheiro favorito de aventuras?

Minha imaginação que muda as coisas chatas deste mundo.

Escrever um livro é…

… algo mágico que será compartilhado por milhares de leitores.

Se não inventasse mundos e personagens, o que Almir faria?

Inventaria personagens e mundos.

Por que livros para os pequeninos?

Porque pequeninos são mais livres e cheios de curiosidades.

Onde fica/o que você faz quando busca inspiração?

Eu não busco inspiração, geralmente ela é que vem até mim de mala e cuia. Às vezes até demais e aí eu tenho que dizer pra essa jovem inspiração que preciso de um tempo para juntar as coisas e criar algo…

A melhor página em branco é…

… o começo de uma viagem mágica.

Sou Duque

Viro lata
Viro balde
Viro até pneu
Mas se você quiser
Não viro nada
Só pra você
Ser dono meu.

Poema retirado do livro Anúncios Carentes de Bichos Abandonados por Gente

Sem título4

Advertisements